Os acessórios completam a produção do look da noiva, e ainda conferem personalidade à protagonista do enlace. Um dos principais complementos nupciais, o véu, tem diferentes estilos e pode ser usados de várias maneiras, dependendo do comprimento, detalhes do tecido, penteado do casamento e estilo do vestido da estrela do dia.

Para as próximas temporadas, muitas coleções apostam em véus mais elaborados e três tipos despontam entre os mais requisitados para compor o visual da noiva, que estará em destaque no altar e receberá todos os olhares. Confira quais são eles e como harmonizá-los com o resto do seu conjunto e com a decoração de casamento escolhida, para que tudo esteja em sintonia.

Pronovias
Pronovias

1. Pérolas e aplicações

O véu é, tradicionalmente, feito de tule, para ser leve e delicado, mas ganha imponência quando se coloca detalhes, como aplicações em pedra, pérolas ou bordados. É o caso dos véus com pérolas salpicadas em todo o comprimento, como visto na coleção da Grace Loves Lace, em véus catedral, ou seja, longos. O efeito também pode ser conseguido por emio do tule de poá, a famosa estampa de bolinhas bem pequenas, e que combina com vestidos de todos os formatos e cortes, principalmente os que não têm muita informação de babados e brilhos.

Para aquelas que preferem vestidos de noiva de renda ou com muitos bordados, brilho e babados, os véus podem ter um acabamento discreto para harmonizar e o look não ficar extravagante, com uma costura fina na borda. Alguns têm a opção de o acabamento ser feito com brilhantes na borda ou uma fita de cetim, um plus discreto.

  • Material versátil

O uso das pérolas está em alta e é bem democrático, combina com estilos de cerimônias modernas e tradicionais, com véus curtos e longos, desde os que têm comprimento que vai até o cotovelo ou cintura, até os do ombro e voilettes. A escolha pelo comprimento menor é para deixar a noiva mais confortável sem precisar tirar o véu para a festa, o que facilita a movimentação, sem deixar a elegância de lado.

Tanto véus longos quanto curtos vêm com a opção de serem duplos, para quem quiser, com uma camada menor do que a outra para cobrir o rosto. O adereço com detalhes se encaixa em cerimônias diurnas e noturnas, tanto em um ambiente com decoração de casamento rústico quanto mais luxuosa.

Grace Loves Lace
Grace Loves Lace

2. Mantilha é o destaque

Sempre atual, a mantilha tem a mesma função do véu, mas ela se difere no acabamento, com mais bordados em renda na barra, nas bordas ou em todo o adorno. De origem hispânica, a mantilha é uma peça artesanal, cheia de detalhes e que cobre mais a noiva. Pode ser usada com um penteado preso de casamento , ornando um coque baixo, por exemplo, presa pela tiara, coroa ou presilha.

O melhor jeito de escolher a mantilha é verificar se a sua renda é a mesma do vestido, para criar um visual harmonioso e elegante. Há muitos modelos com flores, folhas e arabescos, como na coleção da Pronovias.

Pronovias
Pronovias

Geralmente elas são longas para casamentos em igrejas ou locais amplos, e combinam com cerimônias noturnas, por ter um estilo mais provençal e romântico, especialmente quando usadas com vestidos de noiva princesa. Isso não impede de usar em casamentos diurnos que vão se estender pela noite. A mantilha pode ser retirada para a noiva ficar mais à vontade durante a festa, e podem cair muito bem com vestidos de cortes mais retos, com evasê ou sereia, lisos ou com bordados, porque o acessório ganha destaque de qualquer maneira.

Allure Bridals
Allure Bridals

3. Capas para as ousadas

Igualmente leves e com uma fina transparência para não esconder o vestido, as capas vieram para ficar e mudar um pouco o look convencional das noivas com véu. Também há comprimentos variados e são usadas por noivas ousadas e que querem inovar. Como conferem mais volume ao vestido, o mais adequado é optar por modelos mais justos ao corpo, com corte reto, evasê ou sereia.

Se a capa for de um tecido liso, o vestido pode ter bordado ou vice-versa para o visual não ficar pesado. Experimente antes e veja se o tecido está leve e confortável pensando, principalmente, se o casamento for de dia ao ar livre. As capas podem ser presas no pescoço ou ombro, caindo sobre o vestido, ou sair do próprio vestido nas costas. Por isso, os tecidos mais utilizados para a peça são a renda, crepe, tule, musseline, tafetá e cetim.

Pronovias
Pronovias

É importante fazer as provas do vestido de noiva com o véu ou a capa para visualizar como ficará no dia C e ter certeza da escolha. Quem optar por uma entre essas três tendências vai surpreender e, ao mesmo tempo, estará usando um elemento atemporal, que não sairá de moda.