Um item de grande destaque e importância na decoração de casamento é as produção dos centros de mesa. Para cada estilo de cerimônia, as mesas dos convidados são ornamentadas de maneiras distintas e, em um cenário rústico, assim como as lembrancinhas do casamento, os centros de mesa devem ter uma essência campestre e natural, mas ao mesmo tempo também mostrar a personalidade do casal protagonista.

Inclusive, esses objetos decorativos podem até ser produzidos pessoalmente pelos noivos, com um toque de DIY (Do It Yourself, Faça Você Mesmo), já que esse estilo pede uma composição mais despojada que foge dos padrões – porém sem perder a elegância e harmonia. Parece contraditório? Confira abaixo nossas dicas para alcançar esse resultado de maneira muito simples.

Objetos simples, produções marcantes

O mais interessante na decoração de casamento rústico é que vocês têm a possibilidade de mesclar peças sofisticadas com elementos simples e conseguir um efeito surpreendente. A oportunidade de economizar também é bem atraente, já que se encontrar objetos antigos em antiquários e lojas e mercados de objetos usados (mas conservados) com preços mais baixos, porém tão encantadores quanto os novos na hora de criar uma décor com ares campestres.

O poder da Natureza

A natureza é sempre o tema central no décor rústico, e os centros de mesas têm protagonismo para evidenciar as mesas. Sendo assim, pensem em investir em arranjos com folhas e flores para casamento que sejam capazes de colorir e alegrar qualquer produção (as noivas podem, inclusive, combiná-las com um belo buquê de flores do campo).

Para a base do seu centro ou caminho de mesa, uma possibilidade incrível  é usar folhas de bananeira, folhagem costela-de-Adão ou de coqueiro, ou até pedações de troncos, vendidos em lojas de paisagismo para fazer caminhos em jardins. Ou vocês podem optar por um material rústico como juta, chita ou até jogos americanos de palha, baratos e fáceis de encontrar.

Frascos originais

Para os dispor os arranjos, podem dar asas à imaginação e usar jarros de cristais, garrafas coloridas e potes de vidro com acabamentos mais delicados em renda, complementados por cachepôs de madeira, caixinhas de madeira, cestos de palha ou gaiolas de ferro.

DIY sempre bem vindo

Como sempre dizemos, os DIY são recomendados apenas para os detalhes mais simples, que não darão muito trabalho (e sem riscos), afinal de contas, vocês já têm tarefas suficientes para organizar! Os acabamentos de centros de mesa podem ser uma ótima opção fazê-los personalizados pelos próprios noivos. Tanto em garrafinhas revestidas com sisal, como em plaquinhas de madeira ao estilo rústico, usem e abusem de suas habilidades e criatividade para esses pequenos detalhes.

Combinação de estilo

Como ocorre na moda nupcial, a decoração também conta com tendências novas em cada temporada. A planta plumosa chamada de Capim-dos-pampas tem sido uma grande aposta, assim como a mescla de diferentes estilos em um mesmo evento.

Para os indecisos de plantão esse segundo item é uma bela solução. Se estão em dúvida entre focos diferentes para a sua decoração, que tal misturar os dois? O rústico permite. É o caso, por exemplo, de mesclar objetos dourados envelhecidos, que tanto caracterizam o vintage, com parcelas de troncos de madeira compõem um ambiente único e centros de mesas originais. Peçam ajuda aos decoradores para que eles te ajudem a unificar esses estilos e objetos sem fugir da harmonia visual.

Não tenham medo de ousar, o décor rústico é um estilo que preza pela liberdade. E se ficar condizente e charmoso junto aos outros elementos, devem ir em frente! Pensem que o que dará o toque final serão as flores, velas, plantas e até frutas que estarão complementando o cenário, e até os modelos das lembrancinhas de casamento. O melhor é que tudo ficará autêntico e personalizado, e vocês já podem ir pensando no décor da mesa do bolo de casamento com a mesma essência.