As flores têm um papel importante nas celebrações nupciais. São elemento básico da decoração de casamento proporcionando romantismo e serenidade para as cerimônias e festas de comemoração de qualquer união. Por isso o buquê de flores é item de grande importância na hora de compor o look da noiva e também das madrinhas. Como noivas buscam opções especialmente trabalhadas, o melhor é deixar que esse seja feito por um profissional e optar pelo DIY para buquê de madrinhas, que já não exigem tantos detalhes.

Escolha as flores e folhagens

O primeiro passo é obvio. Selecionar as folhas e flores que mais gosta para montar seu buquê. Pode escolher dentre as tradicionais flores para casamento, ou optar por espécies mais exóticas e criar arranjos originais (dica: as flores da estação geralmente são mais econômicas). Há grandes dúvidas sobre se o buquê deve ou não seguir as mesmas flores que a decoração. Aconselhamos que pelo menos tenham o mesmo estilo.

Uma decoração de casamento rústico por exemplo, pode levar margaridas e paniculatas já que são mais econômicas e, o buquê da noiva desse casamento pode contar com outras espécies silvestres mais especiais, como o girassol, as orquídeas, o eucalipto... Já uma celebração mais clássica pode ter um buquê de noiva vermelho com flores variadas dessa mesma tonalidade. 

Monte o ramo

Quando já dispor de todas as flores e folhas que vão compor seu buquê, é hora de começar a montá-lo. Primeiro, limpe o caule de todos os componentes, extraindo folhinhas e espinhos para deixar todos uniformes e manuseáveis. Agora pode começar a unir todos os galhos, começando pelas flores maiores que devem ir ao centro. Para manter as flores no lugar, vá fazendo uso de arames ou fitas verdes durante o processo de montagem. Para arranjos mais tradicionais, as folhagens devem estar em volta das flores, inseridas no arranjo depois que já tiver juntado todas as flores. Já em um buquê mais autêntico, as folhas podem estar misturadas com as flores no centro e no perímetro do buquê.

Finalização

Depois que já tiver o ramo montado, pode retirar os arames e fitas verdes e amarrar tudo com uma fita do material que mais gosta, ou que faça parte do tema do casamento. Para quem optou por um vestido de noiva de renda, por exemplo, uma fita desse tecido é perfeita para envolver seu arranjo. Já as que escolheram montar um buquê de flores do campo, pode usar o sisal para amarrar o ramo. Fitas coloridas também são indicadas – que tal uma fita da mesma cor do buquê de noiva azul? Para finalizar, corte o caule de todas no mesmo tamanho.

Por fim, indicamos que faça o buquê um dia antes da celebração mantendo-o na água até que chegue a hora H. Sem nenhum segredo, essa solução é perfeita para os adeptos de um bom DIY e outros itens do seu evento, como os convites de casamento, podem seguir a mesma técnica. E mais, se gostou bastante de brincar de florista, sugerimos ainda que escolha as flores que vão no seu bolo de casamento, uma tendência fortíssima nos casamentos deste ano!