Básico dos básicos, o tom preto é essencial em todos os armários. E quanto se trata de um evento como um enlace que, por mais despojado que seja, exige mais atenção na escolha do vestido de festa ou dos trajes, essa cor pode ser a salvação das convidadas. É verdade que há uma certa polêmica ao associar o preto aos casamentos, e existem algumas regrinhas sobre o tema, mas ele não está proibido (a não ser que seja uma imposição do casal), e pode ser trabalhado para que o conjunto fique elegante e a convidada transborde charme. 

Se recebeu um convite de casamento, é uma amante da cor preta, e ainda não sabe o que vestir para a ocasião, te apresentamos uma galeria completa com as temporadas mais recentes de marcas reconhecidas em todo o mundo.   

De preto, mas sempre leve

O preto pode carregar sobriedade, é inegável, mas com o tecido correto e o corte perfeito e adaptado ao tipo de corpo de cada mulher, os vestido podem se tornar leves. Para os casamentos no inverno, uma decisão acertada é investir nas mangas longas, e é possível apostar em estilos transparentes, bufantes e mais soltos, como apresentou Pronovias, Charo Ruiz e Gemy Maalouf nas coleções 2019/2020. 

Para os casamentos que ocorrem em estações mais quentes também é possível usar vestido escuro e, nesse caso, o importante é contar com tecidos frescos e transparências, além de modelos sem mangas, com decotes que deixem a "pele respirar", como o ombro a ombro, o decote canoa ou o halter. Nesses casos também é possível combinar um corpete ajustado com uma saia mais vaporosa e fresca, de tule, seda ou renda.

Curto ou longo?

O comprimento do vestido deve sempre estar em harmonia com o espaço e o estilo pedido pelos noivos. Para optar por um vestido de festa curto, por exemplo, é preciso ter certeza de que não haja obrigatoriedade de um vestido de gala, e que o convite não especifica "passeio completo". Em enlaces durante a tarde ou que estejam em um local mais informal, como um restaurante à beira-mar, um belo sítio ou um espaço no campo, é possível usar modelos curtos ou midi.

Para festas que acontecem durante a noite, especialmente se têm um ar mais tradicional, o mais recomendável é optar por um vestido longo de festa preto, e se o clima pedir algo mais leve, pelo calor, a alternativa são vestidos com fendas, com corpetes fluidos – como nos vestido modelo envelope – ou optar por decotes mais refrescantes, como o tomara que caia, em vestidos de festa com silhueta princesa ou sereia.  

Cuidados importantes

O preto não é uma básica e que fundamental em todos os armários, mas quando se trata de um casamento, a cor do modelo do vestido de festa deve ser considerada com cautela. Para as convidadas que têm alguma função no enlace, seja como madrinha ou dama de honra, ou se que terá que subir ao altar em algum momento, o preto não é recomendado.

Trata-se de uma tonalidade fúnebre e, pela tradição, no dia C o altar deve estar repleto de cores mais claras ou alegres. E se você tem uma relação direta de parentesco com os noivos, como mãe e irmã, o mais adequado é eleger outras tonalidades para o dia.  A exceção ocorre quando os próprios noivos escolhem a cor como parte da sua identidade visual, e pedem que as madrinhas, por exemplo, vistam preto. 

Ao ser convidada para um casamento, a primeira reação é a alegria extrema, por poder testemunhar os amigos dizerem "sim", poder emocionar-se com as frases curtas de amor proferidas durante os votos e, claro, se divertir na hora do lançamento do buquê de flores. Mas, para fazer parte desse momento, é preciso também pensar no seu look, como uma forma de homenagear o casal, investindo em um modelo que esteja à altura da festa.