Seguimos ao seu lado nesse momento. Consulte o nosso Centro de Ajuda.
Casamentos

Centros de mesa ecológicos: sustentabilidade e beleza na recepção

Não há como fugir: hoje em dia é preciso pensar de forma ecológica. Saibam como usar a sustentabilidade para decorar o seu casamento e dar o tom do futuro que você quer para um dia que estará registrado como um dos mais importantes para o casal.

Ainda sem as flores para o casamento? 🌻
Peça informações e preços a negócios de Flores e Decoração perto de você

Claudio Costa Fotografias

Cada vez mais em voga no mundo nupcial, a sustentabilidade não é mais uma tendência apenas de alguns grupos. É notório o crescimento do número de casais que procuram opções sustentáveis para garantir que o dia da celebração seja carinhoso também com a natureza. Convites em papel reciclado, cardápio orgânico, copos e canudos biodegradáveis são algumas das inúmeras opções para diminuir a pegada ambiental da festança. Com a estética rústica em alta, por que não aproveitar para trazer este ideal também para os centros de mesa? 

Esses detalhes, em especial, são repletos de adornos cuja produção deixa muitos resíduos: flores trazidas de avião de produtores distantes, decorações derivadas de petróleo e madeira cortada especialmente para o evento possuem um impacto negativo para o meio ambiente. Felizmente, está mais fácil do que nunca decorar com responsabilidade, opulência e exuberância. Quer você esteja apenas sendo responsável com o planeta ou planejando um eco-wedding completo, vale conferir as dicas que reunimos vão ajudá-los a decorar as mesas.

Reduzindo a pegada

Antes de decidir entre rosas ou orquídeas, considere o custo ambiental. Flores de corte, em especial as importadas, significam consumo de energia extra pelo transporte e climatização, além do uso de agrotóxicos para que durem mais. A melhor escolha são flores plantadas: além de ficarem lindas e naturais nos vasinhos (não de plástico, por favor!), elas permanecem vivas após a celebração e podem decorar a casa como uma lembrança desse dia tão especial.

Michele Navega Cenografia

Prestigie a produção local

Sejam as flores plantadas ou de corte, a dica para as noivas ecológicas é embarcar na tendência das slow flowers. O movimento, que vem crescendo no mercado europeu, significa dar preferência a produtores locais que reduzam o consumo de água e pesticidas, e também escolher espécies compatíveis com a localização e a estação da cerimônia. 

Rebeca Rivera

Em harmonia com o clima

Para regiões temperadas com temperatura amena, a primavera e o outono trazem várias opções. As rosas e os crisântemos estão entre as mais cultivadas. Orquídeas também adoram o clima e suas variações florescem o ano todo. Em climas quentes e úmidos, o ideal é investir em flores tropicais como alpínias, estrelícias ou antúrios. As cores intensas vão deixar seu centro de mesa muito mais vivo. Já para épocas frias como o inverno no Sul e parte do Sudeste, sugerimos glicínias em cascata e tulipas de todas as cores para embelezar seu casamento. A queridinha peônia também fica linda nesta estação. Finalmente, em climas quentes e secos a recomendação é investir em dálias, margaridas ou zínias. São flores resistentes e vistosas que sempre encantam os convidados.

Mr. Fleurs - Flores e Decorações

Casamento literalmente verde

O centro de mesa pode e deve ir além das flores. As folhagens fizeram sucesso nos casamentos greenery e estão cada vez mais populares no estilo boho. Espécies volumosas em vasos, como samambaia, costela de adão e pacová, são ideais para grandes arranjos. Em mesas menores, plantas como a espada e a lança de são jorge, a moreia e o bambu da sorte trazem o verde para perto sem obstruir a visão entre os convidados. Para espaços reduzidos, vasinhos com comestíveis como alecrim e manjericão são uma simpática e perfumada decoração. Até mesmo pequenas pimenteiras podem trazer um toque divertido à ocasião. Exibidas em terrários ou vidros reutilizados, plantas de fácil manutenção como cactos e suculentas também são uma excelente ideia de decoração que pode ficar de presente para os convidados. 

Velas vegetais

Uma forma clássica de criar um clima íntimo e romântico (e reduzir o consumo de energia) nas mesas é a iluminação com velas. Melhor ainda se elas forem produzidas sem parafina, um derivado de petróleo, recurso não renovável e poluente. As ceras vegetais são uma iniciativa sustentável: as de carnaúba, de soja e de coco são ótimos materiais que queimam por mais tempo e ainda perfumam o ambiente com um aroma suave.

Maria Pietroforte Decoração de Festas

Usado e abusado

Reduzir, reutilizar, reciclar. Estas são as formas mais básicas de diminuir nosso impacto ambiental. Após reduzir o consumo de produtos supérfluos ou prejudiciais ao planeta, é hora de reutilizar. Uma tendência popular em casamentos vintage, o upcycling (ou recondicionamento, em bom português) vai além de decorar com vitrolas e telefones antigos: reaproveitar de tudo traz charme e personalidade à sua celebração sustentável.

Um dos recursos mais fáceis de dar novo uso é o vidro: garrafas de vinho, potes de geleia e até mesmo lâmpadas antigas podem exibir flores, folhas e velas de forma charmosa. Embelezados com fibras naturais como a juta, transmitem um visual rústico e aconchegante. Vale lembrar que a vegetação viva é sempre bem vinda, mas a natureza também oferece outros materiais incríveis. Galhos secos trazem um toque dramático ao centro de mesa e, dependendo da região, vagens ou pinhas secas estão disponíveis para complementar o visual. 

Fotometrar

Riqueza reciclável

O último passo dos três Rs da conservação é essencial para o meio ambiente. As noivas mais conscientes já devem estar pensando em materiais de baixo impacto no clima após o fim da sua vida útil. Para isso, devem se perguntar: o que é reciclável, compostável e biodegradável? A resposta mais imediata e óbvia é o papel. De preferência reciclado (e definitivamente não encerado ou plastificado, o que impede o seu reaproveitamento), o material traz inúmeras possibilidades para a decoração em várias estéticas. Para mesas românticas, as flores feitas dele trazem leveza. Eventos ao ar livre podem receber um divertido cata-vento. Até mesmo o casamento industrial fica ainda mais cool com elementos esculpidos em papelão e cartolina.

Repensar o impacto ambiental de um evento do porte de um casamento não é apenas uma tendência estética: é uma oportunidade para o casal consciente na necessidade de construir um futuro melhor. Logo, a celebração também é a melhor chance do par de contribuir com esse futuro a partir do exemplo, servindo eles mesmos de incentivo para que os convidados pensem na questão da sustentabilidade. Quer uma recepção linda, autêntica e memorável para o seu grande dia? Basta pensar verde, a começar pelos centros de mesa do casamento.  

Ainda sem as flores para o casamento? 🌻
Peça informações e preços a negócios de Flores e Decoração perto de você

Outros artigos que podem te interessar