Casar-se no outono é ter a chance de experimentar climas mais amenos e presenciar o fim de um ciclo da mãe natureza enquanto se celebra o amor. Também é uma oportunidade de se inspirar nos tons, padrões e significados da estação para definir o tema e a cartela de cores que irão permear o enlace. Algo que é impossível de se abster totalmente quando falamos do buquê de flores. É importante estar ciente das espécies que florescem neste período para dar um alívio ao bolso e trazer mais vida e coesão ao evento.

Os tons terrosos e quentes como o laranja, o vermelho e o marrom, característicos do outono, podem acompanhar a noiva durante a marcha nupcial para ampliar visualmente toda a paixão e força do momento. Sim, o buquê de flores é capaz disso, portanto não se furte de ponderar bem sobre ele. Por isso, nesse artigo iremos discorrer sobre algumas espécies que podem agregar muito ao seu momento. Considerá-los para a decoração de casamento também é uma decisão inteligente.

Rosa

As rosas são um clássico no casamento. O formato das pétalas em camadas e sua disponibilidade em várias cores torna essa figurinha fácil nos enlaces, não importando o estilo ou local da comemoração. Suas versões nos tons de pêssego, blush e creme são muito usadas nesta época do ano nos buquês de flores, além da tradicional vermelha.

Margarida

É considerada uma das flores mais delicadas e populares da natureza. De origem europeia, a margarida apresenta pétalas alargadas e delgadas que contornam o botão central amarelo. Acredita-se que no mundo exista mais de 20 mil variedades dela, embora a mais comum seja a de pétalas brancas. É sinônimo de amor, pureza, paz, inocência, juventude, sensibilidade e bondade.

Gérbera

Parente do girassol, possui tipos de várias tonalidades – mais de 20 – e aspecto simples. Por isso, costumam dar as caras nos casamentos no campo e uniões mais casuais, sem tanta ostentação. Mas sua beleza está longe de ser simplória. É uma flor silvestre cuja floração ocorre o ano inteiro e que está relacionada com o sucesso. Transmite alegria e positividade.

Tulipa

Clássica e romântica, as tulipas podem ser consideradas sinônimo de charme e sofisticação não à toa. De origem persa, já foi considerada uma joia que só podia ser plantada no jardim real. Por conta do seu formato chamativo, há quem prefira um buquê de flores composto só por ela. 

Crisântemo

Às vezes confundido com dália, possui pétalas densas e alongadas. É uma planta facilmente disponível no mercado, podendo ser encontrada do rosa claro e roxo até amarelo, laranja e vermelho escuro. Estima-se que é possível encontrar mais de 800 tipos de crisântemos no mundo, que podem ter portes grandes e pequenos. Possui como significado a simplicidade e a perfeição.

Orquídea

Muito durável, é atrelada ao luxo e à beleza. São plantas versáteis, originais e multicoloridas que podem ser encontradas em mais de 3.500 espécies nativas no Brasil, estando cada vez mais presente também na decoração de casamento.

Azaleia

Nas espécies mais comuns, os tons rosados das pétalas da flor azaleia contrastam com as folhas verde escuro da planta. Mas também é possível encontrar nas cores laranja, coral e amarelo, formando um lindo buquê. 

Petúnia

A palavra petúnia na língua dos índios Tupi significa “flor vermelha” e remete à transformação e à sabedoria. Além disso, a estrutura de floração dela apresenta formas e desenhos que lembram uma mandala, característica que a atrela aos símbolos místicos e espirituais.

Para além das flores, é interessante considerar outros elementos naturais que possam contribuir para a construção de um lindo buquê de noiva, como folhagem, como as folhas de eucalipto, folhas secas, gramíneas, ervas e até galhos. Tudo depende do estilo pretendido para a ocasião. Aqui no poral temos os melhores fornecedores de flores, que poderão ajudar bastante. Converse com o seu e desbrave com ele todas as alternativas para ter um lindo buquê de flores.