Nem sempre é fácil escolher aqueles que estarão ao seu lado quando a música de casamento começar a tocar e finalmente chegar a hora de dizer o "sim". Se já difícil fazer uma lista objetiva de quem irá receber o convite de casamento, imagine então escolher quem ocupará o papel de madrinha. Mas essa escolha merece atenção. Uma madrinha não é apenas alguém que te auxilia durante o dia C, ela tem uma responsabilidade para com o casal, ajudando com todo o planejamento (o que inclui apoio emocional!) como sendo suporte também para a vida pós-casamento.

Ainda que vocês tenham muitos nomes possíveis para fazer parte do time excluvisio de padrinhos e madrinas, isso não quer dizer que todos eles estejam aptos para a função. Fiquem atentos a estes 5 sinais que podem indicar que essa ou aquela amiga podem não ser as suas madrinhas ideais.

Libertá Vestidos
Libertá Vestidos

1. Se ela só aparece nos bons momentos             

As madrinhas participam não só no dia em que a festa acontece, mas dão apoio aos noivos em todo o processo de preparação, e já sabemos que nem tudo são rosas nesses momentos. Com certeza enfrentarão conflitos com a escolha dos modelos de lembrancinha de casamento ou até mesmo uma montanha-russa de sentimentos que passam pela cabeça de toda noiva, e claro que você precisa da sua madrinha tanto para os bons momentos como para aqueles nem tão agradáveis. Se sua amiga costuma sumir nas crises, provavelmente ela não deve fazer parte.

2. Se ela não está em seu melhor momento

Ser madrinha é uma tarefa que, além de honra, requer disposição para auxiliar nas tarefas. E para que ela possa ser útil e ainda aproveitar cada momento dessa intensa jornada, é preciso que ela se encontre psicologicamente disponível , ou seja, em um momento leve, onde ela sente que pode se doar mais a outra pessoa. Caso contrário, pode tanto prejudicar a noiva comprometendo momentos cruciais, como a emocionante escolha do modelo de vestido de noiva, e o pior: pode também deixá-la mais atordoada com tantas responsabilidades em esse momento sensível de sua vida. 

3. Se a relação de vocês é conflitiva

Que atire a primeira pedra aquela que nunca teve uma amiga por quem tenha um carinho indiscutível, mas que também seja sempre um alvo de conflitos e desentendimentos. Se sabem que discordam em muitas questões e por diversas vezes discutiram por besteira, talvez este seja um sinal vermelho para o posto de madrinha. Você não quer passar esses momentos com mais estresse do que normalmente já terá, prefira relações pacíficas.

4. Se você se sente obrigada em convidá-la

Esse papel possui um grande significado e será para sempre eternizado com vocês nas fotos, nas lembranças e nas responsabilidade como testemunhas, por isso devem ser pessoas que possuem um grande significado para vocês. A vontade de tê-la ao seu lado deve ser genuína e não uma obrigação. Se acha que não é uma escolha livre e se sente forçada em fazer o convite, pense que esse dia é de vocês e não devem fazer a vontade de outras pessoas.

5. Se você sabe que não pode contar com ela

Existem aquelas pessoas que, quando menos esperamos, se ausentam tanto nos bons momentos quanto nos maus. São aqueles que possuem o dom de sumiço por tempo indefinido e perdem as comemorações, ou são realmente desligados e não dão tanta atenção para as obrigações e tradições. Como esse período é marcado por inúmeras celebrações e festas pré-casamento, é preciso contar com aqueles que vão estar sempre disponíveis.

Na vida temos amizades de todos os tipos, mas nem todas elas se encaixam nas responsabilidades de uma madrinha de casamento. Isso não signifca que essa pessoa não é sua amiga, apenas que não está realmente apta para a função. Se você viu algum desse sinais em uma de suas possíveis madrinhas, pense duas vezes se elas podem te auxiliar em todas essas tarefas, seja na escolha da decoração de casamento ou em períodos mais dramáticos durante a organização. Esse é o seu momento, e tudo precisa ser pensado para que o dia C seja impecável e feliz.