Tão importante quanto a escolha do vestido de noiva e/ou do traje do noivo, e da eleição daquilo que fará parte da decoração do casamento, é a seleção dos padrinhos e madrinhas da união. Por isso, retribuir o carinho do casal com um belo discurso equivale a dar um dos presentes dos mais valiosos ao casal, daqueles que não podem ser comprados em loja.

Para você que também possui essa certeza, selecionamos aqui uma lista com oito dicas para arrasar na missão de emocionar os afilhados diante dos convidados. É discursar e esperar o brinde para o sucesso garantido.

Vitor Madruga Fotografia
Vitor Madruga Fotografia

1. Não tente ser outra pessoa

O convite para ser o padrinho ou a madrinha do casal se deu exatamente por você ser da forma que é. Se você não é uma pessoa extrovertida, não precisa montar uma lista de piadas para entreter o público, assim como não é esperado de alguém que tenha uma personalidade mais brincalhona um discurso excessivamente sério e formal. São as palavras verdadeiras que irão garantir um belo registro com os noivos, por virem carregadas de emoção. Mas atenção: procure adequar o tom de acordo com o local e o público presente, inclusive nas brincadeiras.

2. Busque inspirações

Podem lhe faltar palavras para expressar a gratidão e carinho pelos dois. Caso isto ocorra, ver vídeos e ler textos que já tenham sido usados em outras cerimônias podem funcionar para inspirar uma grande ideia. Ou, pelo menos, servir para contar aquela história marcante sobre os dois pombinhos, que irá reforçar a fé no amor entre todos os presentes. Poemas, citações de autores e de letras de música ajudam bem neste propósito, mas procure fugir daquelas frases para convites de casamento para não cair no clichê.

Caroline Cerutti Foto Arte
Caroline Cerutti Foto Arte
   

3. Evite histórias e expressões desconfortáveis

Falar de antigos amores, lembrar brigas do relacionamento do casal e expor situações do passado dos noivos que não os deixe orgulhosos na frente da família não são recomendados. O momento é de celebração e ninguém quer ser lembrado como o chato que gerou constrangimento na festa. Lembre-se ainda de que seu discurso tem uma grande chance de ser gravado.  

4. Seja breve

O momento é especial, mas lembre que não é você o foco das atenções do casamento. Um discurso longo tende a não receber a devida atenção dos convidados e torna tudo menos divertido. Tédio não é um sentimento que combina com festa e você não será o único a discursar para os dois. Assuma a palavra por três minutos, não muito mais do que isso.

5. Prepare-se para falar em público

Ensaiar lhe dará mais segurança e irá ajudar a escrever as frases de maneira mais objetiva e interessante. Sentenças muito longas dificultam a compreensão das palavras pelos ouvintes e dá um tom monótono ao momento. Ao falar em voz alta, em frente ao espelho, você será capaz de identificar uma melhor maneira de contar uma mesma história. Treinar em casa antes da cerimônia é crucial para agregar agilidade e emoção na medida certa na hora em que se dirigir ao casal.

6. Seja intimista

Demonstrações de afeto e admiração aos noivos são mais do que bem-vindas. O sentimento de torcida pela felicidade dos pombinhos reforça os laços do casal com quem esteve presente na cerimônia. Afinal, sabemos da árdua tarefa que os noivos passam para escolher quem será chamado para o casamento. Além disso, gera simpatia entre os convidados que raramente conhecem todos as demais pessoas presentes. Quem não quer ser surpreendido por um elogio ou boa lembrança de um amigo em comum a quem se quer bem?

Caso a amizade seja mais estreita somente com um dos noivos, não se esqueça de reforçar as qualidades do companheiro e sua felicidade pela união dos dois.

7. Leve uma cola

Não são poucos os casos de pessoas que viram a memória falhar no calor da emoção. Não se envergonhe de levar um papel para consultar quando faltarem as palavras que melhor expressem o que aquele casamento significa para você. Os noivos se sentirão cuidados ao perceber a consideração em escrever previamente algo especial para eles. Certificar-se que a cola esteja legível e íntegra até o momento de assumir o microfone é igualmente importante para que o esforço não seja em vão.  E, se for feita com capricho, ainda pode ser destinada aos dois apaixonados como uma lembrancinha de casamento diferente.

8. Se beber demais, não discurse

Pessoas alteradas tendem a perder o controle sobre suas palavras e atos. Por isso, o ideal é não abusar das bebidas alcólicas na festa, pelo menos até o momento da homenagem. Não há nada de especial em ser lembrado pelo motivo errado. Além de promover péssimos registros e fazê-lo destoar das fotos de decoração do casamento.

Então, padrinhos e madrinhas, agora basta arregaçar as mangas para colocar as dicas em prática. Anotem tudo para garantirem que soarão tão agradáveis como uma música romântica, e tão marcantes quanto a mesa do bolo de casamento naquela festa que você mal vê a hora para se deliciar com os docinhos.