Saltar para o conteúdo principal
Casamentos

5 Coisas que podemos aprender com Casamento às Cegas!

A nova temporada de Casamento às Cegas chegou à Netflix e, para quem se prepara para o "sim", o reality apresentado por Camila Queiroz e Klebber Toledo rende muitas lições! Vamos a elas, com a participação especial da celebrante Gisele Campos.

IG @agatamouura

Apresentada pela atriz Camila Queiroz e o ator Klebber Toledo, a nova temporada do reality show “Casamento às Cegas” chegou à Netflix dando o que falar, como de costume. Entre tretas, personagens curiosos e a fé no amor que nunca morre, chama atenção nessa leva de capítulos as referências e inspirações das uniões promovidas pelo programa. Afinal, além de todo o drama que as narrativas da vida real oferecem, boa parte da audiência gosta de acompanhar as histórias dos participantes pelas ideias para casamento que a atração traz à tona. Para quem está à beira do altar, entretenimento que ainda ajuda a pensar os detalhes do seu próprio grande dia é mais do que bem-vinda e ajuda a desanuviar a tensão.

Desta forma, não tínhamos como não reunir num artigo os cinco pontos-aprendizados que noivos e noivas devem ficar de olho ao parar em frente à tela para o confere, e ainda contamos com a participação de Gisele Campos, cerimonialista oficializou uniões no programa. Vamos a eles! 

1. Celebrar com especialista

Mesmo tendo no comando o casal de estrelas, a missão de realizar os casamentos é encarregada a profissionais da área, como não poderia ser diferente. A celebrante Gisele Campos, baseada em Campinas-SP, ficou responsável pela condução na nova temporada da série e deixa claro o porquê de ter sido escolhida. “Qualquer pessoa ‘pode’ celebrar um casamento, mas nem todos estão preparados e possuem conhecimento para isso. Ser celebrante não é somente falar palavras bonitas e inspiradoras em público”, pontua ela.

Gisele lembra que o cargo envolve mais do que desenvoltura, e chama atenção para a necessidade de estudo, dedicação, leitura e boa oratória. A condução da cerimônia é um ponto essencial que faz toda diferença para um evento emocionante e inesquecível e a  escolha ruim pode comprometer o brilho da cerimônia. 

IG @casamentoascegasbrasil

2. Seleção cuidadosa e alinhada

Como todo bom profissional que se preze, Gisele lembra com carinho das particularidades dos casais que uniu na série, e como se conectou com cada um deles. Por esse motivo, ela destaca a química entre celebrante e noivos como o primeiro critério a ser considerado na seleção do profissional. Afinal de contas, a especialista é quem terá a missão de conectar o par e comunicar a sua história de amor, o que não é fácil, pelo contrário: celebrar o matrimônio de forma tocante e memorável é um trabalho que exige sensibilidade, empatia, bom humor e experiência.

Além de pesquisar outras avaliações e recomendações, a celebrante recomenda que o casal dialogue e estabeleça suas prioridades antes mesmo de marcar reuniões com candidatos.Assim, as expectativas são alinhadas e a comunicação fica clara, o que é fundamental para que tudo saia como o desejado. 

Enquanto esperamos o grande dia eu mantenho contato com os casais, acompanhando os fatos cotidianos que servirão como fonte para elaboração do texto. Um mês antes da data, faço uma reunião para que me contem a história de amor com detalhes, encaminhando um questionário com perguntas individuais. Também faz parte do trabalho auxiliar na escrita dos votos, fazer a revisão e o encaminhamento para impressão personalizada.

Tudo isto e mais faz parte da pesquisa e desenvolvimento do discurso”, detalha a profissional, cuja experiência traz conforto em outra frente. “Fico à disposição também para acalmar possíveis surtos e ansiedade pré casamento”, ri-se ela, que confessa seus pares favoritos da temporada: “Eu me apaixonei por cada casal. Agata e Renan muito amorosos, aquele amor que envolve o ambiente e nos abraça, sabe? Daniela e Daniel foram super divertidos, sorridentes o tempo todo. Cada um tem um quartinho no meu coração!”.

IG @casamentoascegasbrasil

3. Casar do seu jeito e de mais ninguém

Além do entretenimento que oferece, “Casamento às Cegas” pode ser encarado como um experimento social. Acompanhar os romances é uma oportunidade de apreciar como a personalidade de cada um influencia nas decisões sobre o enlace.

Por sinal, um dos dramas da temporada foi a discussão entre uma participante e sua mãe sobre detalhes do vestido. No final, a vontade da noiva prevaleceu: ela subiu ao altar deslumbrante e nos próprios termos, como deve ser. Esta é uma lição sobre a importância de respeitar as características do casal e de construir uma cerimônia que faça sentido para as principais duas pessoas envolvidas, os únicos protagonistas da ocasião.

IG @casamentoascegasbrasil

4. Looks cheios de bom gosto

Exibindo um total de cinco casamentos entre os participantes da temporada, o reality também é uma grande fonte de inspiração para o vestuário nupcial. Na última edição, a participante Ágata se destacou com seu vestido tomara que caia com corte reto, numa composição que valoriza os lindos cabelos crespos.

Também pode interessar110 Inspirações de penteados para noivas com cabelo crespo

IG @casamentoascegasbrasil

IG @casamentoascegasbrasil

O visual de princesa escolhido pelas participantes Maria e Bianca também foram pontos altos. Maria teve um vestido complementado pelo decote ombro a ombro e mangas em tule de poá, e Bianca ganhou vestido com saia inteiramente de tule, um sonho.

IG @mariacarolina.capo

IG @casamentoascegasbrasil

Mais inspiração para vestidos de noiva dos sonhos

O programa nesta temporada ofereceu looks icônicos até mesmo para quem não estará no topo do altar. Madrinhas, padrinhos e convidados vão arrasar ao seguir o estilo do chiquérrimo casal de apresentadores. Camila investe em visuais românticos e sensuais, com muito rosa e acentuados por fendas e transparências. Já Klebber combina a elegância do smoking com o tom jovial de golas tipo careca ou rolê, dispensando a gravata.

IG @camilaqueiroz

Convidada de casamento? Encontre aqui o seu vestido

5. Cenário paradisíaco para lua de mel dos sonhos

Além de suspirar com as histórias, o programa convida o público a sonhar com locações únicas para desfrutar com seu amor. As luas de mel do elenco de temporadas anteriores já foram filmadas em um hotel de luxo no interior de São Paulo e num refúgio amazônico às margens do Rio Negro.

Já para os episódios exibidos em 2023, o reality show levou os novos casais para o litoral de Pipa, no Rio Grande do Norte. Além da vista privilegiada para a Praia do Madeiro, o resort cinco estrelas escolhido pela produção conta com charmosos bangalôs e inúmeros recantos apaixonantes entre as palmeiras e flores tropicais. Impossível não se apaixonar pelo cenário.

IG @casamentoascegasbrasil

Encontre o destino perfeito para a lua de mel

Que fique, portanto, o aprendizado: por menos incertezas no grande dia, o ideal mesmo é contar com a companhia de profissionais que vão saber trazer a segurança e conforto para o final feliz do casal. E “Casamento às Cegas” não decepciona de jeito algum nesse quesito!