Os sorrisos de Robson e Matiely nas fotos do seu casamento, e o olhar que parecia enxergar tudo nos olhos um do outro, são suficientes para entender que o amor dos dois é algo especial. A bailarina encontrou par perfeito para a sua coreografia, e em seu dia C todos os mínimos detalhes deram certo.

“Sites e aplicativos relatavam temporais naquela tarde de 15 de outubro, na semana do casamento nossa oração era que Deus nos enviasse um sol, e foi justamente o que aconteceu. O dia amanheceu chuvoso e frio, e faltando algumas horas para cerimônia o céu nos presenteou com um lindo sol e uma tarde agradável”, lembra ela. Todo o planejamento do enlace foi feito com carinho, e todos os pormenores tiveram o estilo do casal refletido, e um pouco de sua história, a começar pelo pedido de casamento.

"Sim" diante do mar

Sem que Matiely desconfiasse, Robson a convidou para um evento de dança, sem dar muitos detalhes. Como toda bailarina que não perde a oportunidade de estar perto do palco, ela aceitou, e os dois foram juntos ao litoral catarinense. Durante a viagem ela fechava os olhos em alguns momentos, estratégia do noivo para que ela não tivesse noção de onde iam, tudo era uma surpresa. “A viagem transcendeu de maneira alegre, com ansiedade e muita conversa gostosa”, conta ela.

Ao chegar na pousada, Robson pediu que ela continuasse com os olhos fechados. No quarto Matiely já ouvia o som das ondas do mar e, ao abrir os olhos, se deparou com uma varanda de frente para o oceano e Robson ajoelhado em sua frente. Depois de ler uma carta, ele soltou a pergunta: "Princesa, você aceita se casar comigo?". Após o sim, ela recebeu um anel de noivado e um buquê de flores: um pedido romântico e cheio de delicadeza. 

Leveza bohemian

O casamento aconteceu no Sítio do Caqui, em Curitiba, ao ar livre, em um dia iluminado, e ele ficou completo com as cores vivas de uma decoração impecável. Com um estilo que a noiva define como rústico e boho-chic, os detalhes foram fundamentais para que a atmosfera do lugar se tornasse mais íntima. Mobiliário de madeira, livros antigos, painel de luzes, fitas coloridas e flores, muitas flores: todos os elementos presentes foram bem pensados e deram o tom à cerimônia e à festa, clicada com perfeição pelo estúdio Carvalho Fotografia & Vídeo.

E seguindo o estilo boho, Matiyele usou um vestido com detalhes em renda, de corte império, decote ilusão com mangas largas, e bem fluido. Na cabeça, o detalhe de destaque foi a tiara metalizada que caía sobre todo o cabelo. Robson foi clássico, com um traje azul marinho e flores coloridas na lapela. 

Um dos momentos mais emocionantes foi a entrada do pequeno Mathias, filho do casal, com as alianças, vestido à caráter, como um verdadeiro cavalheiro e tão sorridente quanto os pais. Matiely também destaca o momento dos votos, que “foi muito significativo e emocionante para nós dois, com palavras que fizeram transbordar a emoção dos noivos e de nossos convidados”, lembra. Um enlace inesquecível, e desejamos que a vida do casal seja um verdadeiro balé com final feliz.