Saltar para o conteúdo principal
Casamentos

Casamentos e coronavírus: informações atuais sobre os eventos no Brasil

Compreendam como funcionam as medidas e protocolos para os eventos no Brasil nessa nova fase, e como as cidades já estão adequadas à nova realidade, viabilizando a liberação responsável dos serviços e dos casamentos no País!

(atualizado em 16 de maio de 2022)

Desde que foi declarada a situação de pandemia de coronavírus 1 pela Organização Mundial de Saúde (OMS), Casamentos.com.br esteve ao lado dos casais como um apoio constante. Oferecemos todas as informações necessárias sobre as medidas instituídas pelos governantes para combater o contágio com medidas restritivas – e, depois, com o passaporte vacinal. Durante os últimos dois anos o portal explicou como funcionaram as decisões sobre a liberação e protocolos dos eventos durante a pandemia, e mapeou as principais cidades, para que houvesse transparência nessa procura por detalhes sobre como reorganizar o enlace durante tempos pandêmicos.

Felizmente, com os altos índices de vacinação e todas as medidas que foram utilizadas para conter os contágios, a situação do Brasil (e do mundo) mudou, e as restrições dos eventos também! Por isso, a partir deste momento, as atualizações sobre os eventos já não terão a mesma frequência de antes, embora, em Casamentos.com.br, permaneçamos atentos sobre qualquer possível mudança relevante nos protocolos de eventos no País, e que podem afetar os casais do portal.

Diogo Sallaberry Fotografia

Protocolos gerais de prevenção

Durante toda a pandemia, a decisão sobre a liberação e protocolos dos eventos coube aos governadores e prefeitos dos municípios. Cada região avançou de formas distintas, e ainda há protocolos que se referem às necessidades diferentes. Nessa nova fase, entre os protocolos gerais de prevenção, considera-se: 

  • Priorização das celebrações ao ar livre ou espaços fechados bem ventilados,
  • Disponibilização de dispensers de álcool em gel 70%,
  • Uso obrigatório de máscaras em ambientes fechados (checar normativas de cada município),
  • Apresentação do Passaporte Vacinal nos municípios onde é exigido,
  • Capacidade dos espaços liberada de forma geral (com adaptação às medidas de segurança e distanciamento),
  • Atenção aos sintomas compatíveis com COVID-19 e, diante deles, optar por não participar de qualquer evento.

Casamento civil

Para saber mais sobre o esquema de funcionamento do cartório de preferência, é necessário entrar em contato diretamente com ele. Este link, com a seleção de cartórios do Brasil, vinculado ao Portal da Transparência 2, possui a relação completa de todo o Brasil. Como respondem às Corregedorias Gerais de Justiça de cada estado e a Corregedoria Nacional de Justiça, os cartórios seguem as recomendações desses órgãos sobre os hábitos essenciais.

Casamento religioso e recepções

Os casamentos religiosos em igrejas e templos estão liberados. A dica para os casais é ficar em contato direto com o local onde pretendem realizar a união para saber detalhes sobre qualquer adaptação sobre a capacidade dos espaços. As recepções também já estão liberadas – sempre de acordo com os protocolos sanitários e de segurança. Seguem as seis grandes cidades do País que elegemos para nortear os casais.

Diogo Sallaberry Fotografia

  • Brasília

As cerimônias e celebrações de casamentos voltam a serem realizadas de acordo com a aplicação de todos os protocolos de segurança, que incluem uso de máscaras, revisão da capacidade de cada espaço e distribuição de álcool em gel.

  • Rio de Janeiro

Eventos sociais como casamento e celebração de bodas estão permitidos – as restrições quanto à capacidade máxima permitida depende das adaptações feitas pelos próprios espaços, com respeito ao uso de máscara em locais fechados, além de todos os protocolos sanitários previstos. A Prefeitura do Rio de Janeiro ampliou a exigência de comprovante de vacinação.

  • Salvador

Estão permitidos os eventos de casamento, desde que sejam garantidos os protocolos de segurança e saúde dos locais. Cerimônias religiosas e atos religiosos litúrgicos passam a ser permitidos desde que ocorram com a limitação de capacidade imposta pela paróquia ou local. A Prefeitura de Salvador também flexibilizou medidas restritivas com relação ao horário, agora sem restrição, e distanciamento mínimo entre pessoas, cadeiras e mesas. 

  • Florianópolis

Os eventos de casamento estão permitidos em Florianópolis, desde que sigam todos os protocolos de segurança. O Passaporte da Vacina será obrigatório nos estabelecimentos e serviços pertencentes ao setor de eventos.

  • Belo Horizonte

De acordo com o Comitê Extraordinário do Covid-19, em Belo Horizonte estão permitidos os eventos e festas de casamento – desde que se respeito o limite imposto por cada espaço, garantindo todos os protocolos de segurança, que incluem o uso de máscaras e distribuição de álcool em gel. E no caso das celebrações religiosas, elas estão permitidas e com capacidade que varia de acordo com os espaços (também considerando-se todos os protocolos).

Caique Adones Fotografia

Depois de um período de adaptação aos novos protocolos, em que muitos casais tiveram que ressignificar o planejamento do casamento, chega, finalmente, uma nova fase para todos! Os noivos e noivas se mostraram resilientes e, agora, é possível viver uma fase sem restrições rígidas, porém com muita responsabilidade. Como sempre defendemos em Casamentos.com.br: o amor sempre vence! 

Referências

  1. OPAS Brasil (OMS) www.paho.org
  2. Portal da Transparência transparencia.registrocivil.org