Luiza
Noiva Master Julho 2018 São Paulo

13 "ciladas" que você pode cair durante os preparativos do casamento

Luiza, dia 11 de Abril de 2019 às 10:27 Publicado em Fórum Organizar um casamento

Bom dia, comuu. Como vocês estão?

Mês que vem faz 2 anos que estou por aqui e 10 meses que casei (como o tempo voa!). Pensando em tudo isso, percebi o quanto eu aprendi nessa comunidade e com a organização do meu casamento, e levantei algumas das maiores "ciladas" que eu vejo as noivas caindo (e algumas que eu também cai).

Reuni 13 delas aqui para as noivinhas que ainda estão nos preparativos possam refletir se estão caindo em algumas delas ou evitem cair no futuro! E já logo aviso que o texto ficou gigante, hahaha.

nazareconfusamatematica.gif

Contratar primeiro, calcular depois

Essa é uma situação clássica que vejo muuuuito por aqui: os noivos decidem uma data especial e começam a fechar os primeiros contratos. Mas no meio da organização percebem que tem muito mais contas do que tempo e dinheiro para pagá-las e ai começa a insegurança e o desespero.

Uma das melhores formas de evitar que isso aconteça, faça o contrário! Determine um orçamento, calcule quanto tempo vocês vão precisar para levantar esse valor e organizar o evento e ai sim, marquem a data!

Óbvio que imprevistos podem acontecer e o melhor é sempre estimar mais tempo caso aconteça algo que não está nos planos. Mas eu acho essa uma boa forma de se planejar e de evitar que você descubra - já próximo do casamento - que não vão conseguir pagar tudo.

travolta_confuso.gif

Convidar com muita antecedência

Já vi dezenas de debates em que as noivas relatam como tinham certeza na escolha dos padrinhos e meses depois se arrependeram de terem feito o convite pra algumas pessoas.

O melhor é sempre pensar muito bem nas suas escolhas e fazer o convite oficial por volta dos 6 meses para evitar frustrações e o terrível "desconvite".

tenor.gif?itemid=11208075

Falar mais do que deveria

Uma das reclamações mais clássicas das noivas é o fato das pessoas darem palpites sobre suas escolhas. Mas, pensem bem, alguém palpita quando não sabe? Não! 90% das vezes que os outros dão palpites indesejáveis é por que nós mesmas acabamos contando alguma coisa.

Eu mesma cai nessa cilada quando compartilhava algumas decisões com uma pessoa que eu achei que estava super feliz por nós. Com o tempo, comecei a ver que, de uma forma bem sutil, ela criticava tudo o que escolhia por pura inveja de namorar a mais tempo e não ter sido pedida em casamento.

A lição que eu tirei? Por mais difícil que seja, as vezes é melhor não falar nada do que falar e ter que ouvir coisas desnecessárias!

tenor.gif?itemid=10099691

Esperar das pessoas o que você faria por elas

Essa cilada machuca, hein?! Quem nunca achou que os convidados ou padrinhos seriam seus braços direitos na organização só porque você faria isso por eles sem pestanejar? Ou pensou que porque deu um mega presente pra um casal também seria presenteada no seu casamento? Ou então organizou o chá de uma amiga querida e tinha certeza que ela faria o mesmo por você?

É natural criar expectativas e achar que as pessoas pensam da mesma forma que nós. Mas a verdade é que nem sempre é assim. E quando não é assim nos sentimos frustradas, decepcionadas, tristes e com raiva. Tudo que não queremos sentir na organização do nosso casamento.

Por mais complicado que seja, minha dica é: não espere nada de ninguém! Se as pessoas puderem e quiserem te ajudar e participar da organização com você, ótimo! Se não quiserem ou puderem tudo bem também!

ainda-e-inicio-do-mesa.gif

Pensar só em preço e não em qualidade

Até hoje nunca vi noivos que não tenham um orçamento. Ele pode ser maior ou menor, mas sempre existe um "teto" pra gastar no casamento. Com isso, naturalmente, a gente se preocupa com os preços e tenta economizar em algumas coisinhas. Mas ai mora um grande perigo que eu também já vi muito por aqui e em alguns casamentos que já fui: pensar só no preço e não na qualidade.

Pense no seguinte: vale a pena economizar na sua maquiagem e cabelo e se sentir horrorosa no dia do seu casamento? Vale a pena economizar na fotografia e não conseguir ver seu álbum porque detesta as fotos? Vale a pena economizar na comida e ver os convidados saindo mais cedo do casamento porque a comida não foi suficiente para todos?

Sei que muitas vezes não é uma questão de escolha e sim de necessidade, mas acredito que geralmente podemos priorizar certas coisas pra investir mais e economizar em outras. Pense bem sobre isso para não se arrepender do resultado no dia!

excited-gif-2.gif

Fechar contratos na empolgação

A Emily fez um excelente debate sobre isso e é uma questão que requer muita atenção mesmo. Como comentei no debate dela, precisamos lembrar que pra nós o casamento é um sonho, mas para os fornecedores é um NEGÓCIO. Isso significa que todos os pontos da negociação precisam estar muito bem desenhados e claros para todos.

Fechar um contrato na empolgação e pensar nas suas cláusulas depois pode trazer muitos conflitos, fazer você perder dinheiro e até atrasar o seu casamento. Por isso, na hora da negociação coloque razão acima do coração!

tenor.gif?itemid=7970616

Tentar fazer mais do que pode

Eu admiro muito quem manja dos DIY e tem a habilidade e paciência de fazer várias coisas do seu casamento. Mas tome o cuidado de não tentar fazer mais do que você pode!

Já vi noivas que tentaram abraçar o mundo e fazer de tudo e tiveram sérios problemas de saúde pelo estresse e esgotamento físico e mental. Pra que isso não aconteça, tenha certeza de que você consegue dar conta de tudo sem que isso prejudique outras áreas da sua vida (como sua saúde, trabalho, estudo e até o relacionamento com o noivo) e que será algo realmente positivo pra você.

tenor.gif?itemid=11761354

Imaginar que as pessoas vão saber quando precisar delas

Essa é quase uma continuação do outro tópico. Muitas noivas e noivos ficam esgotados na preparação do casamento e sonham com o dia em que uma amiga, um familiar ou um padrinho vai disponibilizar ajuda. Já vi inclusive muuitos debates que noivas reclamando que as pessoas não participam e não ajudam. Mas sempre que perguntei se elas tinha PEDIDO essa ajuda a resposta geralmente é a mesma: não.

Não caia na cilada de que as pessoas vão adivinhar que você precisa de ajuda e que elas sabem que podem ajudar de alguma forma. Se precisa de ajuda, peça!

tenor.gif?itemid=4710273

Achar que os convidados estão na mesma "vibe" que você

Pode parecer óbvio, mas nenhum convidado por mais próximo que seja vai ter o mesmo sentimento e estar na mesma vibe que os noivos. E essa é uma cilada que eu vejo muita gente caindo.

Por mais que estejam felizes, convidados (nem mesmo os padrinhos ou pais) vão querer falar de casamento o tempo todo, vão entender seu dilema entre decoração coral ou salmão ou vão ter saco pra ficar um dia inteiro dentro de uma feira de casamento.

Não veja isso como uma falta de interesse ou de carinho, mas sim que VOCÊ está vivendo um momento diferente do deles e é VOCÊ quem deve ser a pessoa mais animada com isso.

2016-04-18-1460937869-7106087-tumblr_o5s

Achar que tudo é o fim do mundo porque é seu casamento

Eu sei que na organização do casamento estamos com os sentimentos a flor da pele. Eu sei que pra nós é o dia (ou um dos dias) mais importantes da vida. Eu sei que muitas de nós sonha com isso a vida toda. Mas as pessoas não são obrigadas a saber de tudo isso ou de dar a importância que nós damos ao nosso casamento.

Sim, é uma afirmação dura, mas é verdade. Eu vejo que muitas noivas pensam que tudo é o fim do mundo porque se trata do seu casamento.

As vezes a noiva tem uma melhor amiga de anos e porque a bendita fez um comentário sobre a cor do vestido uma vez já é desculpa para tirá-la do posto de madrinha e nunca mais falar com a pessoa. Ou então, o melhor amigo do noivo disse que não vai poder ir ao casamento porque mora em outro estado e está sem dinheiro e isso é o suficiente pra amizade acabar e o casal nutrir um ódio eterno por ele.

Cada situação é uma situação e cada um deve saber bem de si. Mas minha proposta aqui é te fazer refletir. Será que faz realmente sentido explodir com todo mundo que não agir exatamente como eu quero só porque é o meu casamento? Será que quando o casamento passar eu vou perceber que exagerei? Será que depois do casamento eu terei mais amigos ou inimigos?

tumblr_lpq2wyAb8v1qlyu2po1_500.gif

Pensar que suas escolhas não têm consequências

Essa cilada é um desdobramento da anterior. Sabe aquela máxima "toda ação tem uma reação", pois bem, a gente tende a achar que no caso dos noivos isso não se aplica. Mas não é bem assim.

Vira e mexe vejo alguns questionamentos como: "posso convidar só os pais e não as crianças?" poder pode, mas saiba que os pais podem ficar ultrajados com isso ou não ir ao casamento por não ter com com quem deixar os filhos. Ou então "posso obrigar minhas madrinhas a fazerem o vestido na costureira X?" também pode, mas corre o risco de quem não tiver condições de pagar o vestido que você quer, simplesmente desistir de ser madrinha. Ou ainda "posso fazer meu casamento em outro país e convidar 200 pessoas?" claro, mas quem não tiver condições de ir, não irá.

O que eu quero dizer com isso é: você pode fazer o que quiser no seu casamento, mas não pense que todo mundo vai dizer amém ou dar um jeito de te atender. Novamente, isso não quer dizer que as pessoas não gostam de você, mas as vezes elas não podem ou não querer fazer certas coisas. Então se você toma uma decisão, esteja preparada para eventuais consequências.

anigif_sub-buzz-9022-1479773985-4.gif

Não se preocupar com o casamento, mas só com a festa

Responda rápido: quanto tempo você passa pensando no vestido, no bolo, nos docinhos, na música, na dança, etc? E quanto pensa na conta de água, no quintal que vai ter que lavar, em como serão divididas as tarefas de casa, em como será quando acontecerem as brigas?

Pois é, é normal que a gente pense muito mais na festa do que no casamento em si, que é formado pela convivência e pelo dia a dia. Sei que é difícil, porque é muito mais gostoso focar só na festa, mas lembre-se que a festa dura um dia e a gente casa pra ficar junto a vida toda!

Durante o noivado, tirem um tempo para falar sobre assuntos como ciúmes, filhos, divisão de tarefas, trabalho, estudos e outros temas que vão fazer parte da vida quando a festa acabar. Digo isso porque vejo muito por aqui casais que estão com o pé no altar, mas que parecem que não resolveram questões básicas para a convivência a dois. Ainda, pessoas que estão se virando nos trinta para pagar uma festa, mas que não pensaram onde vão morar ou como vão pagar as contas para sobreviver.

Novamente, todo mundo aqui é adulto e sabe da sua vida, mas pensem bem se não estão tão focadas na festa em si, que quando ela acabar e a vida de casados começar vocês vão olhar pro lado e dizer "e agora?".

168412-Olivia-Wilde-P-gina-104-Vogue.gif

Achar que as pessoas tem obrigação de te ajudar

Mais uma muito popular por aqui! Aqui na comu temos noivas de todos os tipos, e precisamos respeitar isso sempre!

Se você veio de uma família onde os pais bancam 100% do casamento dos filhos, a casa, o carro e mantém o novo casal por 1 ano na casa nova, parabéns! Nem precisa ler esse último tópico.

Mas se esse não é seu caso, então entenda que ninguém tem obrigação de realizar o SEU sonho. Sim, as pessoas podem ajudar, e é ótimo quando isso acontece, mas não é uma obrigação. Vejo muitas reclamações que os pais não ajudam, que os avós não ajudam e até que os padrinhos não ajudam e sempre me vêm essas perguntas: ué, mas quem está casando? Não são os noivos? O sonho não é deles? Não é momento deles? Então porque a obrigação é dos outros?

Sim, casar é caro, dá trabalho, mas quem escolhe casar? Imagine se seu amigo vai comprar um carro e porque te prometeu dar uma carona de vez em quando começa a te mandar parcelas pra pagar. Ou se ele quer viajar e porque vai te trazer um souvenir pede que você pague as passagens pra ele?

Cada um tem seus próprios planos e sonhos e, na maioria do casos, não cabe a mais ninguém realizá-los senão a nós mesmos. Se tivermos ajuda, ótimo! Se não tivermos tudo bem também. De forma nenhuma acho errado quem tem ajuda eu mesma tive, mas precisamos estar preparados para arcar com a realização dos nossos sonhos por nós mesmos se for necessário.

Até porque se você está pensando em sair da casa dos pais, casar e construir uma outra família e ainda acha que os outros precisam "bancar" suas vontades, talvez falte um pouquinho de maturidade e independência por aí. Vale a pena refletir!

PARABÉNS pra quem chegou até aqui depois desse textão (gente, sou jornalista, não consigo evitar haaha) e muito obrigada por ler. Espero que tenha ficado claro que minha intenção não é julgar ninguém, mas sim provocar uma reflexão e evitar que vocês caiam nessas ciladas que muitas vezes só geram estresse e decepção.

Um grande beijo

Compartilhe em:

264 Respostas

  • Juliana
    Noiva Constante Maio 2021 Rio de Janeiro
    Juliana ·
    Ótimas dicas ...
  • Mariana
    Noiva Constante Agosto 2020 Minas Gerais
    Mariana ·

    ótimas dicas!!!Obrigada e felicidades pra vcs.

  • Nicole
    Noiva Principiante Agosto 2021 São Paulo
    Nicole ·
    Ver mensagem citada
    Exatamente hahahahaha
    Eu já comentei com tanta gente. Que nem sei oq fazer. Tenho um limite de 150 pessoas. E isso não pode ultrapassar haha
  • Letícia
    Noiva Ativa Outubro 2019 São Paulo
    Letícia ·
    Eu amei esse texto! Muito realista! Quero sempre estar com isso em mente! ❤️
  • Erica
    Noiva Novata Abril 2020 Paraná
    Erica ·
    Ver mensagem citada

    Janyy, bem verdade! Acabei não fazendo mini wedding em acordo com meu noivo, mas priorizar realmente é fundamental! Eu priorizei muitos as fotos, e buffet... As demais coisas estão sendo muito pesquisadas, mas acabei optando por uma decoração simples e limitando os convidados com quem realmente é importante para nós (esse negócio de convidar por obrigação já passou faz tempo, ao meu ver).
    Parabéns pela escolha de vocês super adepta, só não fiz por acordo com meu noivo em outros assuntos.

  • Elaine
    Noiva Novata Dezembro 2019 Bahia
    Elaine ·
    Amei o texto. Me caso em dezembro e Quem Se não falo de detalhes com as pessoas e aí me perguntaram se não To empolgada. Eu disse que estou sendo reservada e na hora certa estarei a flor da pele rsrs.
  • Adrianisia
    Noiva Curiosa Outubro 2019 Ceará
    Adrianisia ·
    Ameiii...Ameiii mesmo todos os tópicos!!!! #PuraVerdade ❤❤❤❤❤
  • Carla
    Noiva Novata Dezembro 2020 Pará
    Carla ·
    Olá. Adorei o texto. No caso já moro com a minha “noiva”. Ela me pediu em casamento mês passado e agora estamos correndo atrás de tudo. Não queria uma festa enorme, somos duas noivas conhecemos muita gente, então preferia casar e viajar, mas ela tem o sonho de casar pra convidar todo mundo. Esse post ajudou muito em alguns pontos.
  • Jany
    Noiva Novata Março 2019 Bahia
    Jany ·
    Nós ( eu e o namorado) decidimos que vamos fazer um mini wedding mesmo nossa lista inicial tendo dado 150 convidados e ter sido diminuída pra 20, será um casamento muito íntimo apenas nossos pais, irmãos, avós e sobrinhos. A gente decidiu dar prioridade a qualidade do que a quantidade já que estamos construindo e não ia ter dinheiro pro casamento mas a gente quer o casamento. Então essa é uma dica que dou a vocês é o nosso sonho que está em jogo, de que adianta 300 convidados e não poder fazer aquelas fotos, contratar aquele buffet, seu vestido ter de ser trocado. Prioridade é a palavra
  • Carol
    Noiva Esperta Agosto 2019 São Paulo
    Carol ·
    Obrigada por compartilhar conosco!
  • Thamirys
    Noiva Ativa Novembro 2020 Rio de Janeiro
    Thamirys ·
    Maravilhoso texto, adorei seu ponto de vista, penso da mesma forma.
  • Erica
    Noiva Novata Abril 2020 Paraná
    Erica ·
    Luiza, muito obrigada pelo textão hehe'
    Me ajudou muito, pois ainda me sentia mal de ter priorizado por exemplo a fotografia, tirando o buffet foi o item mais caro.
    Sobre pensar no depois é bem verdade, eu e meu noivo estamos fazendo uma preparação na igreja e aborda esse tema acho que faz muito sentido, porque a festa apesar de ser um sonho e toda uma preparação passa muito rápido, o que fica é o depois. ❤️
  • Jacqueline
    Noiva Curiosa Julho 2020 São Paulo
    Jacqueline ·
    Obrigada por compartilhar ! Resolvemos organizar nosso casamento com um ano de antecedência para que tudo saísse bem planejado e evitarmos as tais ciladas. Mas quando compartillham conosco fica muito mais fácil de manter o foco e seguir no caminho certo.
  • Marta
    Noiva Novata Agosto 2019 Goiás
    Marta ·
    Me fez refletir bem. Afinal o sonho é mais da noiva do que qualquer outra pessoa
  • Edila
    Noiva Novata Dezembro 2019 São Paulo
    Edila ·
    Que textão maravilhoso. Ótima reflexão !
  • Vanessa
    Noiva Novata Setembro 2020 Mato Grosso
    Vanessa ·
    Obrigada por compartilhar conosco 🤗🤗😍

Responda a este debate

×

Artigos relacionados